terça-feira, 5 de junho de 2012

Dica de Filme: Ratatouille

Dica de Filme:


O filme conta a vida do rato Rémy, que vivia escondido numa casa na zona rural da França com o pai Django, o irmão Émile e outros ratos. Rémy é um gourmet e tem paixão pela cozinha, e descobre veneno nas comidas pelo seu olfato apurado. Rémy vivia indo secretamente na cozinha para ler os livros de culinária e gastronomia do chef Auguste Gusteau. Gusteau aparecia sempre nas visões de Rémy dando dicas e que vivia dizendo que "qualquer um pode cozinhar". E acaba descobrindo que Gusteau morre após receber uma difícil crítica do critico culinário Anton Ego.

Rémy e os ratos mudam de seu lar quando a senhora dona da casa os descobre e os expulsam. Rémy acaba chegando à Paris pelos esgotos e, guiado pela visão de Gusteau, chega no restaurante fundado por Gusteau, agora administrado pelo chef Skinner. Enquanto Rémy observava de uma claraboia, Alfredo Linguini, um jovem sem talento gastronômico e filho de Gusteau (só a mãe de Linguini sabia), é contratado como faxineiro no restaurante a pedido de sua recém falecida mãe. Linguini acaba derrubando uma panela de sopa acidentalmente no chão, Rémy fica desesperado e acaba  caindo na cozinha, tenta não ser descorbeto e acaba tentando consertar a sopa. Linguini descobre Rémy e o esconde, logo, é flagrado por Skinner e algumas porções da sopa acaba sendo servida, que vira um sucesso para surpresa de todos. Colette, a única cozinheira do restaurante, convence o Skinner a não demitir Linguini desde que ele faça mais sopa. Ela acaba ajudando Linguini, que inicia uma difícil relação entre os dois. Rémy tenta escondido no chapéu de Linguini, que aperfeiçoam com o tempo.

Skinner tem a ambição de transformar o restaurante de Gusteau em uma franquia de comida congelada. Um dia Skinner descobre que Linguini é filho de Gusteau, mas guarda segredo. Skinner desconfia do segredo de Linguini e Rémy. Linguini e Colette se beijam e começam a namorar.

Numa noite Rémy reencontra sua colônia e conta sobre sua secreta carreira de chef. Rémy procura comida para a colônia no restaurante e acaba descobrindo o testamento de Gusteau, escapa de Skinner e entrega o testamento para Linguini. Linguini assume o restaurante, demite Skinner, e se torna popular no mundo da gastronomia e chama a atenção do crítico Anton Ego, que havia dado uma péssima reputação para o restaurante. Linguini e Rémy se desentendem e Linguini decide trabalhar sem o rato e, Rémy desapontado, acaba saqueando o restaurante e levando comida par sua colônia.

A situação piora quando Ego vai ao restaurante. Linguini conta que não sabe cozinhar e que contava com a ajuda de Rémy, o que faz a equipe deixar o restaurante. Colette volta ao restaurante após pensar sobre o ditado de Gustau. Django, inspirado pelo filho Rémy, acaba voltando com a colônia para cozinha liderados por Rémy, e Linguini descobre que seu talento é servir usando patins. Colette e Rémy preparam um ratatouille (prato rústico de legumes), que fica delicioso. Ego experimenta o ratatouille e lembra das memórias de sua infância. Ego pede para conhecer o chef, mas Colette pede para ele esperar até que todos os clientes saiam. Ao terminar o expediente, Rémy e os outros ratos são descobertos. Ego escreve uma crítica positiva elogiando o restaurante e o chef como o melhor da França.

O restaurante acaba sendo fechado pela vigilância sanitária, pela denúncia de Skinner. Ego perde credibilidade após sua crítica ao restaurante que estava cheio de ratos. Mas Ego investe no novo bistrô de Linguini, Colette e Rémy. Ego vira um cliente fiel. O novo bistrô, chamado "La Ratatouille" vira um sucesso, que inclui uma cozinha e um salão exclusivo para ratos e outro para humanos.

O filme foi produzido em 2007 pela Disney e pela Pixar.  

Sem comentários:

Enviar um comentário